Capa | Biografia | Livros | Oficinas | Atividades Sugeridas | Agenda | Notícias | Fotos | Links

Textos

Memória


As paredes da casa onde vivi
minha infância e adolescência
escondiam anjos guardiões
das primeiras palavras
dos sonhos
das descobertas
da convivência
dos nascimentos
das passagens
dos sentimentos
das preces nas noites de temporais
dos cálculos da caderneta do mercado
da insônia quando o primeiro amor floresceu
das primeiras dores do parto
da celebração do nascimento
dos primeiros passos da criança
do sorriso do sonho realizado
da festa da passagem do velho ano
das promessas para o ano vindouro
das risadas das brincadeiras de sapata
do som da bola batendo
das leituras à luz de velas
do cheiro do café passado
do gosto do bolo de milho ...


Quando foi demolida,
os anjos bateram asas ...
Quando sinto saudade,
chamo-os e eles povoam
minhas lembranças.

Maria Inez Flores Pedroso
21/09/2015

 

 


 


Site elaborado pela wwsites - sites para escritores