Capa | Biografia | Livros | Oficinas | Atividades Sugeridas | Agenda | Notícias | Fotos | Links

Textos

O Velho e o Novo


O foguetório começou. O ancião sábio e paciente sabe que chegou a hora de ir.


Levará consigo alegrias e tristezas registradas na retrospectiva de seus dias.

As primeiras provaram a ele que o ser humano pode e sabe construir o bem; as segundas, infelizmente, mostraram o quanto ainda há que se evoluir na prática do bem..

Apesar disso, não cabisbaixo, mas altivo, recebe em seus braços o novo, beija-o e diz:
- Agora é com você a tarefa de, a cada dia, dizer ao ser humano para não perder a esperança, a persistência, a fé e a gratidão ao Criador.

Acena com o lenço branco e vai.

No início da contagem regressiva, o sábio volta rapidamente. Ainda precisa dizer ao novo mais algumas palavras:

- Lembre-se que um dia você também terá de se despedir.
Quando este dia chegar desejo que não tenha tristezas registradas, mas apenas o bem para recordar. Para isso, a cada dia fale ao ser humano que é preciso
amar,
amar,
amar,
amar,
amar...

Feliz Ano novo!!!

Maria Inez Flores Pedroso
27/12/2015

 

 


 


Site elaborado pela wwsites - sites para escritores